Nosso FAQ

Para contratar um seguro, seja qual for a modalidade, a presença de uma corretora autorizada pela SUSEP é necessária, pois são elas que fazem a mediação entre segurados e seguradoras. Além disso, a corretora oferece todo suporte de consultoria e acompanhamento necessário durante a vigência da apólice.

A SUSEP (Superintendência de Seguros Privados) é o órgão responsável pelo controle e fiscalização dos mercados de seguro, previdência privada aberta, capitalização e resseguro. Criada pelo Decreto-lei nº 73, de 21 de novembro de 1966, é uma autarquia vinculada ao Ministério da Economia.

Contratar um seguro de uma empresa que está de acordo com as normas da SUSEP e é recomendada pelo órgão, resguarda o cliente e dá a garantia de um processo sério e tranquilo.

Corretoras são empresas autorizadas pela SUSEP a comercializar seguros e que fazem a mediação de toda negociação. É por meio dela que é possível contratar um seguro, fazer alterações na apólice, acrescentar ou excluir coberturas. É a corretora que auxilia na escolha do seguro compatível com o perfil e as necessidades, no intuito de evitar custos desnecessários relacionados a coberturas que não serão utilizadas.

Seguradoras são empresas responsáveis por disponibilizar os seguros no mercado, ou seja, são elas que assumem o risco e arcam com o prejuízo conforme previsto na apólice, em caso de sinistro.

Existem alguns pontos que devem ser considerados antes da escolha:

  1. Qualidade e agilidade no atendimento: se você busca um seguro, provavelmente terá urgência. Em todas as pesquisas de pós-venda e satisfação de clientes a Finlândia se sobressai e supera seus concorrentes no quesito atendimento. Desde que o setor de Inteligência de Dados iniciou suas atividades, a quantidade de elogios não para de crescer e hoje temos uma nota que se enquadra nos padrões de excelência.
  2. Reputação: há 10 anos no mercado, a Finlândia já emitiu mais de 550 mil apólices e possui clientes de vários portes e mercados. Esses dados podem ser confirmados no ponto anterior, que diz respeito à qualidade do atendimento e na certificação da GPTW concedida à corretora que a pontua para concorrer entre as melhores empresas para se trabalhar.
  3. Qualificação da equipe: a Finlândia possui uma equipe qualificada com expertise em seguro garantia nas diversas modalidades, que muito além de vender, prestam uma consultoria personalizada a cada cliente.
  4. Produto de Excelência: a Finlândia comercializa as modalidades de seguros da Pottencial Seguradora, empresa líder de mercado em seguro garantia nos anos de 2017 e 2018 e classificada A segundo a Fitch Ratings, que avalia as condições de um emissor em honrar seus compromissos financeiros.
  5. Cobertura e Abrangência: a Finlândia possui hoje 14 escritórios distribuídos em várias regiões do Brasil com uma capacidade de atender todo o território nacional.

Para certificar a qualidade dos corretores de seguros e garantir o cumprimento das obrigações e valores da categoria, a Fenacor (Federação Nacional dos Corretores de Seguros Privados e de Resseguros) emite um certificado que comprova o bom conceito da empresa perante o consumidor.

Para solicitar uma cotação basta preencher o formulário.

Contrato firmado entre a seguradora e o tomador (contratado), em que o tomador se coloca como responsável caso seja necessário arcar com qualquer prejuízo por ele gerado. Esse acordo é aplicado em todos os contratos cobertos por apólices de Seguro Garantia emitidos por essa seguradora.

O contrato de contragarantia é firmado entre a seguradora e o tomador (contratado), portanto são os responsáveis por assiná-lo.

A apólice é o documento emitido pela seguradora que formaliza a aceitação e o início da cobertura. Nela estão discriminados: as condições, a cobertura, a garantia contratada, o prêmio (comissão do corretor), os valores, os prazos, entre outros.

O endosso, também conhecido como aditivo de contrato, é o documento no qual são definidas as alterações na apólice de seguro quando necessário. Ou seja, durante a vigência pode ocorrer alguma necessidade de alteração que são formalizadas por meio desse documento.

Em suma, o resseguro é seguro das seguradoras, ou seja, utilizado por companhias seguradoras para reduzir os seus riscos.

Além das partes envolvidas, o principal diferencial entre a fiança bancária e seguro garantia é que enquanto o primeiro só assegura arcar com o valor prometido em contrato, o segundo antes negocia a entrega do contrato antes de arcar. Abaixo outras diferenças da Fiança Bancária e do Seguro Garantia

FATORFIANÇA BANCÁRIASEGURO GARANTIA
Partes EnvolvidasBanco (fiador) + Afiançado (contratado) + Credor (contratante)Seguradora (garantidor) + Tomador (contratado) + Segurado (contratante)
Como funciona no caso do descumprimento de contratoO Fiador não tenta negociar a execução do contrato, apenas arca com os custos envolvidos.A Seguradora tenta negociar a execução do contrato. Caso não obtenha sucesso, realiza o pagamento da quantia negociada.
Prazos de vigênciaA carta de Fiança normalmente é adquirida por 360 dias, podendo haver possibilidade de renovação.Contratado durante todo o tempo de duração do contrato, com limites de 5 anos, e admite renovação.
É aceito para licitações públicas leis 8666/93 e 8883/94SimSim
Garantias para emissãoExige garantia através de nota promissória, títulos, investimentos, hipoteca ou alienação fiduciária, além de seguro dos bens dados em garantia.Não exige.
Custo de emissãoEm torno de 3% e 5 %, dependendo das garantias que a empresa oferecer.Em torno de 0,5% a 3,5%, dependendo dos fatores de risco da empresa.

É valor máximo pelo qual a Seguradora se responsabilizará perante o segurado, em função do pagamento de indenização.

Importância devida pelo tomador à seguradora em função da cobertura do seguro. Esse valor deve constar da apólice ou do endosso.

O Tomador deverá enviar à Seguradora toda documentação relativa a informações de caráter financeiro, técnico e societário, sempre que houver alteração, sendo que, no caso dos Balanços Econômicos/Financeiros, estes deverão ser encaminhados anualmente.

Todos os sócios da empresa precisam assinar o contrato CCG é as vias devem ser autenticadas?

  1. Acessar o site da SUSEP
  2. Do lado esquerdo clicar em “Serviços ao Cidadão”
  3. Clicar em “Consulta de Apólice de Seguro Garantia”
  4. Na pesquisa informar o Nº de documento, que consta no final da primeira página da apólice.

Documentos Empresa:

  • Ato constitutivo (Contrato ou Estatuto Social com as respectivas alterações);
  • Balanço dos 3 últimos anos assinado (via ativo, passivo e Demonstração do Resultado do Exercício – DRE);
  • Ata de eleição da Diretoria e boletim de subscrição com composição acionária (caso a natureza jurídica da empresa seja S.A.).

Documentos das Pessoas Físicas (Sócios/Diretores/Procuradores/Avalistas):

  • Cópia de Identidade e CPF – validade de 9 anos;
  • Cópia de Identidade e CPF do cônjuge, caso haja – validade de 9 anos;
  • Imposto de Renda completo Exercício 2018 – somente dos sócios e avalistas.

Caso necessite de mais informações, fale conosco pelo telefone 0800 602 7688.